Translate

21/05/2013

isto anda numa revolta interior....

Conclusão, anda uma pessoa três anos a estudar para o desemprego. Portugal investe na formação de inúmeros jovens e posteriormente países como a Alemanha, Reino Unido, etc... vêm buscar a mão de obra qualificada de Portugal. Depois admiram-se certos ministros e falar pró ar, que falta mão de obra qualificada em Portugal. Porque será...?
P.s. Conclusão, estudo três anos e vou para o desemprego! Artes em Portugal, é considerado fútil, gastador, sem inteligência, inútil. Quando, se pensarmos bem é completamente o contrário. É uma das áreas que contribuem para o PIB, as ARTES, que representam 2% do Pib nacional. É um dos sectores que mexe com imenso dinheiro e por sua vez trabalhadores e economia. Pena que no IRS, sejam considerados OS OUTROS, pena uma merda! Pena tenho desse lixo humano que se vagueia na Assembleia da República que se vangloria como o bom aluno da Europa. Bastava ver o exemplo, não muito longe, EUA, são uma das forças da economia. O país tem respeito pela sua cultura, Portugal por sua vez, esquece-se. Tenho vergonha de viver num país, onde para se ter cultura é necessário rico. A cultura não é de acesso a todos, como certos governantes apregoam aos sete ventos. Portugal tem uma cultura de elites. Quando não se tem possibilidades económicas simplemente não tens direito a cultura.